Total de visualizações de página

quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

Karfagen - Messages from Afar First Contact (2017)

Há tantas coisas maravilhosas sendo lançadas em termos de progressivo ultimamente que fica difícil conseguir tomar conhecimento ou mesmo escutar tudo que tem sido lançado recentemente. Esse é o caso do último álbum desses Ucranianos do Karfagen. Com nove álbuns lançados e todos de altíssimo nível, pelo tipo de trabalho e sonoridade já mereciam estar em um patamar bem mais alto em termos de notoriedade. O som deles tem boas influências de Camel. Yes, Focus e The Flower Kings, mas como agregam elementos "étnicos" bem como incluem volta e meia participações de outros artistas e incursões de vários outros instrumentos, isso dá uma identidade bem peculiar à banda. Para todos os apreciadores de um progressivo super bem feito, trabalhado e bonito, não deixem de conhecer o trabalho do Karfagen!







Formação:

Anthony Kalugin - Teclados/vocal;
Max Velychko - Guitarra;
Oleg Prokhorov - Baixo;
Kostya Shepelenko - Bateria;
Olha Rostovska - Teclados/vocal;
Michail Sidorenko - Sax;






                                                                                  Download






quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

Pinkroom - Psychosolstice (2009)

Certos países conseguem criar uma identidade sonora em determinados estilos que são como um selo de qualidade, e é exatamente o caso da Polônia. Especificamente no que se refere ao rock progressivo, mesmo com características distintas, algumas bandas mantém algo de sonoridade em comum que de certo modo criam como que um padrão musical; O Pinkroom é mais um grande exemplo disso, assim como seus conterrâneos e não menos  competentes Riverside , Believe e Retrospective; No caso eles fazem aquele som atmosférico, denso, mas com melodias sóbrias e belas onde quem ouve é levado a pensamentos e lembranças remotas da sua memória. O time de músicos tem uma interação perfeita e sem exageros, mas destaco principalmente o sensacional trabalho de baixo e bateria; Não deixem de conhecer mais essa excelente banda polonesa!







Formação:

Mariusz Boniecki - Vocal/guitarra/teclados;
Karol Szolz - Guitarra;
Grzegorz Korybalski - Baixo;
Marcin Kledzik - Bateria;







                                                                                  Download







terça-feira, 30 de janeiro de 2018

OAK - Giordano Bruno (2018)

Eis que surge aqui no blog mais um lançamento prog de mais uma banda Italiana, o OAK ( Oscillazioni Alchemico Kreative) , e como não podia deixar de ser é mais uma banda excelente e com músicos de altíssimo nível. A atmosfera mágica e bucólica do álbum se alia a melodias e texturas belíssimas onde transitam em estilos que vão desde  Fairport Convention , Genesis a Jethro Tull, o que notadamente é uma influência preponderante pois participam como convidados especiais nesse álbum nomes como  Barriemore Barlow, Glenn Cornick e Dave Pegg; Outro fator marcante é a teatralidade nas apresentações ao vivo, os quais utilizam até  dançarinas como membros da banda. vale muito a pena conhecer esse trabalho!








Formação:

Carlo Fattorini - Bateria;
Claudio Maimone - baixo
Mauro Delorenzi - Baixo;
Bibbi Ferrari - baixo;
Lorenzo Constantini - Guitarra;
Iacopo Ruggeri - Guitarra;
Emanuele Ranieri - Guitarra;
Bruno Cavicchini - Guitarra;
Antonio Orlando - Teclados;
Gabriela Guardiola - Teclados/vocal/dança;
Mirka Karakopoulos - Dança étnica;
Jerry Cutillo - Vocal/flauta/balalaika/guitarra e outros;








                                                                                  download







quarta-feira, 24 de janeiro de 2018

Troc - Troc (1973)

A França sempre nos proporcionou várias bandas de alto nível que não só enveredaram pelo rock progressivo como agregaram outros estilos musicais, como era o caso do Potemkine , Edition Spéciale e do Spheroe por exemplo. No caso do Troc não podia ser diferente, pois os caras além de mandarem um jazz fusion de alto nível, misturaram com propriedade e elegância elementos de estilos diversos como o Soul, prog e blues, o que torna esse álbum com uma sonoridade extremamente peculiar e agradável. Taí mais uma pérola a ser contemplada !








Formação:

André Ceccarelli - Bateria;
Alex Ligertwood - vocal;
Jannick Top - Baixo;
Henri Giordano - Teclados;
Jacky Giraudo - Guitarra;







                                                                                  download











segunda-feira, 6 de novembro de 2017

The Soulbreaker Company - Itaca (2010)

Já havia um tempo que estava para postar esse álbum dessa banda Espanhola, mas sempre acabava me esquecendo e acabava pondo outras no lugar dela, o que de certa forma tem sido injusto com o nível do trabalho; mas enfim acabei me redimindo e apresentando essa grande banda aqui no blog. Resolvi postar especificamente esse terceiro álbum  do The Soulbreaker Company por achar o mais trabalhado e o que contém as influências mais diversas, que vão desde o estilo de sempre que é um classic rock vigoroso ao progressivo com pitadas de pop. "Itaca " tem uma atmosfera única e com músicas de climas e pegadas distintas, o que torna o trabalho ainda mais agradável de ouvir e de assimilar . Outro ponto diferenciado são as melodias que colam fácil na mente e a voz do vocalista , com um timbre incomum e anasalado, mas com boa dose de potência e identidade. Não deixem de conhecer mais essa excelente banda!







Formação:

Jony Moreno - Vocal/guitarra acústica;
Asier Fernandez - Guitarra;
Daniel Trignanes - Guitarra;
Illán Arribas - Baixo;
Javier Arteaga - Teclados;
Andoni Ortiz - Bateria;






                                                                                  download







quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Clive Barker - Desfiladeiro do medo (2001)

Clive Barker  é de Liverpool, nascido em  5 de outubro de 1952; é um escritor, cineasta, roteirista, ator, produtor de cinema, artista plástico e dramaturgo inglês. Um dos mais proeminentes ícones tanto da literatura como do cinema no estilo suspense/terror; Suas obras são carregadas de climas densos e de personagens que misturam o subrenatural, o obscuro e personalidades de caráter duvidoso em sua maioria. Nesse livro  mostra com clareza como é o mundo do glamour por trás das mansões e roupas caras, um mundo egoísta, frio e cruel, onde o que mais importa é estar sempre belo e no ápice.
Ele impressiona tanto pela falta de brio de muitos personagens como pelas atitudes egoístas que nos fazem pensar até onde a fama , poder e dinheiro influenciam na moral de cada indivíduo. Outro aspecto interessante é a forma natural em que une a trama e traça um paralelo entre beleza , decadência bem como solidão e velhice, onde a busca pela imortalidade e o poder dão a tônica do livro. Outro aspecto que chama a atenção é a relação simbiótica entre os espíritos e demônios onde destila boa dose de luxúria e maldade. Para quem ama esse tipo de literatura e ainda não conhece ou não leu, não pode deixar de obter mais essa sensacional obra desse gênio do estilo!





                                                                                 download

terça-feira, 24 de outubro de 2017

Moth Vellum - Moth vellum (2007)

Moth Vellum é uma banda de Prog sinfônico americana que tem a sua estréia nesse álbum homônimo de 2007. Com um som bem trabalhado e refinado, transitam tanto por bandas setentistas ( Genesis, Yes e Camel ) como por bandas mais novas ( Moon Safari, Mystery e Glasshammer). Pontos altos são a afinação e plasticidade da voz do baixista bem como os backings, os climas e harmonias belíssimas do teclado e uma bateria e baixo bem coesos na dinâmica e andamentos; Fora isso, a capa é de uma criatividade ímpar e simples, o que faz desse primeiro e único álbum um pressagio de que muito mais tesouros dessa incrível banda venham por ai!






Formação:

Johannes Luley - Guitarra;
Tom Lynham - Teclados;
Matt Swindells - Bateria/vocal;
Ryan Downe - Baixo/vocal;






                                                                                download